segunda-feira, 31 de maio de 2010

Sumos Com Poderes Medicinais - III (Fortalecer do sistema imunológico)



Ora cá vai mais uma receita do livro que já referi em dois post's anteriores, sobre os poderes medicinais dos sumos de frutas.

Este é sobre o sistema imunológico.

"O sistema imunológico é o responsável pelas defesas naturais do organismo, que o protege contra infecções e agressões de vírus e bactérias.
Situações de estresse, tristeza, oscilações emocionais, alimentação inadequada debilitam o organismo, tornando-o suscetível a diversas doenças, que podem variar de resfriados a câncer. Para fortalecer o sistema imunológico, é necessária uma alimentação balanceada, rica em nutrientes fortalecedores do sistema imune como a vitamina C e outros elementos antioxidantes. Veja alguns sumos capazes de fortalecê-lo:

Vitamina de manga
2 mangas médias sem caroço picadas
1 litro de leite
Modo de preparo: Bater no liquidificador. Adoçar a gosto.



Sumo de kiwi com maçã
4 kiwis
2 maçãs maduras
1 copo de água
Adoçar

Modo de preparo: descascar os kiwis e as maçãs e cortar em pedaços.
Processe na centrífugadora e extraia o suco puro. Adoce e sirva imediatamente.




Principais elementos terapêuticos

Manga: aumenta o sistema imunológico e combate a prisão de ventre.
Rica em fibras, ela pode ser usada ao natural, em saladas, sorvetes, musses e até molhos para acompanhar pratos salgados. Vitaminas: A, B1, B2 e B5. Minerais: potássio, fósforo e cálcio.


Kiwi: antioxidante, combate a infertilidade masculina, previne gripes e é afrodisíaco. Vitaminas: A, B e C. Minerais: Cálcio, magnésio, potássio e ferro.


(Está em português brasileiro, mas entende-se bem).

terça-feira, 25 de maio de 2010

Um "Trauma" Por Gatos


Hoje vou falar um pouquinho do meu "trauma" por gatos... Só pra terem uma ideia das "tolices" que faço por eles!

* Pra começar, a pior, mas pior pior coisa que me pode acontecer é atropelar um gato (ou outro animal qualquer), e outra é ver um morto na berma da estrada. É como quem me parte o coração. E depois fico muito triste até esquecer a imagem dele.


* Durmo toda torta à noite, por que (neste caso a Korina e antes a Tuxa e o Nico) a deixo dormir encostada às minhas pernas ou debaixo do meu braço... Chego a acordar com partes do corpo dormentes por estar sempre na mesma posição. Quando se levanta... é um alívio.... aproveito pra me esticar toda e mudar de posição. Quando está a dormir aos pés e a fazer de um deles a travesseira e eu quero rodar, tenho sempre o cuidado de colocar o outro pé a fazer de travesseiro e só depois tiro o que estava antes.

* Não me levanto, seja para que for, do sofá quando ela está a dormir encostada ou em cima de mim. Espero que "Sua Excelência" acorde (de livre vontade ou não), ou que se levante pra ir comer e aí sim, levanto-me e faço o que tenho a fazer. Chego a adormecer no sofá toda torta e a não fazer certas tarefas por causa do bem estar deles. (Se a minha mãe visse matava-me :p)

* Chego a não usar peças de roupa em x dia porque a menina está deitada em cima.

* E passo imenso tempo a mimá-los, só porque eles gostam...

* Quando morava com os meus pais, não ia dormir enquanto o Nico não estivesse dentro de casa (ele gostava muito de ir passear no pinhal que tínhamos em frente à casa). Chegavam a ser 2h da manhã e eu me levantar para ir chamá-lo mais uma vez...

* Jogo às escondidas com o Nico (porque é o único que sabe jogar).

* Brinco com um fio que a Korina adora, só porque ela passa o tempo a pedir. É um simples cordão que ela venera. Todas as noites, quando vê que vou pro quarto para dormir, vai à sala, pega no fio e leva-o na boca até ao quarto. É incrível como todos os dias de manhã ao acordar, o fio está no quarto.

* Outra coisa da menina Korina, é que tem que cheirar (e se possível provar) tudo o que comemos. E é de partir a rir quando lhe damos a cheirar alguma coisa mais forte e ela fecha os olhos com ar de quem, que coisa fraca!!!

E como podem imaginar, há imensas outras coisas que faço por estes meus meninos. Tenho imensa pena não ter mais tempo livre para poder estar com eles... Mas mesmo assim, acho que lhes proporciono uma vida feliz :)

Agora mais umas fotos da minha Korina, que começa a sofrer com a chegada do tempo quente.




E vocês, têm algum amigo de quatro patas? Que "maluquices" fazem por eles? Contem as vossas experiências.

Beijinhos

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Bodas de Casamento

Encontrei por acaso na net o significado dos aniversários de casamento e achei giro partilhar aqui. Não sei se é a versão mais correcta, mas foi a que encontrei.

Este ano comemoro as Bodas de Algodão :)


  • 01º - Bodas de Papel
    02º - Bodas de Algodão
    03º - Bodas de Couro ou Trigo
    04º - Bodas de Flores, Frutas ou Seda
    05º - Bodas de Madeira ou Ferro
    06º - Bodas de Açúcar ou Perfume
    07º - Bodas de Latão ou Lã
    08º - Bodas de Barro ou Papoula
    09º - Bodas de Cerâmica ou Vime
    10º - Bodas de Estanho ou Zinco
    11º - Bodas de Aço
    12º - Bodas de Seda ou Ônix
    13º - Bodas de Linho
    14º - Bodas de Marfim
    15º - Bodas de Cristal
    16º - Bodas de Safira ou Turmalina
    17º - Bodas de Rosa
    18º - Bodas de Turquesa
    19º - Bodas de Cretone ou Água Marinha
    20º - Bodas de Porcelana
    21º - Bodas de Zircão
    22º - Bodas de Louça
    23º - Bodas de Palha
    24º - Bodas de Opala
    25º - Bodas de Prata
    26º - Bodas de Alexandrita
    27º - Bodas de Crisoprásio
    28º - Bodas de Hematita
    29º - Bodas de Erva
    30º - Bodas de Pérola
    31º - Bodas de Nácar
    32º - Bodas de Pinho
    33º - Bodas de Crizopala
    34º - Bodas de Oliveira
    35º - Bodas de Coral
    36º - Bodas de Cedro
    37º - Bodas de Aventurina
    38º - Bodas de Carvalho
    39º - Bodas de Mármore
    40º - Bodas de Esmeralda
    41º - Bodas de Seda
    42º - Bodas de Prata dourada
    43º - Bodas de Azeviche
    44º - Bodas de Carbonato
    45º - Bodas de Rubi
    46º - Bodas de Alabastro
    47º - Bodas de Jaspe
    48º - Bodas de Granito
    49º - Bodas de Heliotrópio
    50º - Bodas de Ouro
    51º - Bodas de Bronze
    52º - Bodas de Argila
    53º - Bodas de Antimônio
    54º - Bodas de Níquel
    55º - Bodas de Ametista
    56º - Bodas de Malaquita
    57º - Bodas de Lápis-lazúli
    58º - Bodas de Vidro
    59º - Bodas de Cereja
    60º - Bodas de Diamante ou Jade
    61º - Bodas de Cobre
    62º - Bodas de Telurita
    63º - Bodas de Sândalo
    64º - Bodas de Fabulita
    65º - Bodas de Platina
    66º - Bodas de Ébano
    67º - Bodas de Neve
    68º - Bodas de Chumbo
    69º - Bodas de Mercúrio
    70º - Bodas de Vinho
    71º - Bodas de Zinco
    72º - Bodas de Aveia
    73º - Bodas de Manjerona
    74º - Bodas de Macieira
    75º - Bodas de Brilhante ou Alabastro
    76º - Bodas de Cipestre
    77º - Bodas de Alfazema
    78º - Bodas de Benjoim
    79º - Bodas de Café
    80º - Bodas de Nogueira ou Carvalho
    81º - Bodas de Cacau
    82º - Bodas de Cravo
    83º - Bodas de Begônia
    84º - Bodas de Crisântemo
    85º - Bodas de Girassol
    86º - Bodas de Hortênsia
    87º - Bodas de Nogueira
    88º - Bodas de Pêra
    89º - Bodas de Figueira
    90º - Bodas de Álamo
    91º - Bodas de Pinheiro
    92º - Bodas de Salgueiro
    93º - Bodas de Imbuia
    94º - Bodas de Palmeira
    95º - Bodas de Sândalo
    96º - Bodas de Oliveira
    97º - Bodas de Abeto
    98º - Bodas de Pinheiro
    99º - Bodas de Salgueiro
    100º - Bodas de Jequitibá

Beijinhos e não se esqueçam de comemorar todos os anos :)

terça-feira, 18 de maio de 2010

Pilates


Hoje vou falar um pouco desta actividade. Comecei a praticá-la em Fevereiro deste ano, e noto que tem alguns exercícios muito parecidos com os que eu fazia na fisioterapia (por causa da lombalgia e dor ciática).

Também noto que estou muito enferrujada desde que deixei de fazer os exercícios da fisioterapia, mas com Pitaltes estou a recomeçar a ganhar mais flexibilidade de força.

Segundo este site, Pilates foi criado em 1920 pelo alemão Joseph Pilates.


"Pilates é um conjunto de exercícios que pode ser praticado por qualquer pessoa. Como seus exercícios têm inspiração da yoga, zen budismo e artes marciais, ele é indicado para o atleta e o sedentário.

É excelente para o condicionamento físico, pós-reabilitação (depois que a pessoa sai da fisioterapia), hérnia de disco, lombalgias e tensões musculares.

As aulas costumam ser individuais ou em grupos de cinco alunos, com até dois instrutores do método supervisionando cada exercício. A vantagem é que a atividade física pode ser desenvolvida atendendo às necessidades específicas de cada aluno.

Seus movimentos podem ser realizados no solo ou em aparelhos. Nos equipamentos, as atividades possibilitam a incorporação das posturas e movimentos pelo praticante, facilitando uma nova leitura corporal e a prática dos exercícios no solo."


Tenho tentado não faltar às aulas, por que vejo que me obrigam a trabalhar os músculos (que pelos vistos estão muito malandros). Os exercícios são feitos muito lenta e pausadamente, o que obriga a forçar o músculo a trabalhar. Espero dentro d'alguns mesitos estar muito mais flexivel e sentir-me mais saudável :)





Este é um exercício que eu ainda estou longe de conseguir fazer :(

Cá cão algumas imagens para quem não sabe do que se trata:






E vocês, praticam algum tipo de exercício físico?

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Goteira de Relaxamento (Oclusão)

Ainda andei a pensar se escrevia ou não este post, mas depois pensei, e por que não? Podem aparecer pessoas com dúvidas ou com outras experiências, e nunca é demais sabermos a opinião dos outros, mesmo que nos possam imaginar com uma figura horrível tendo que usar algo tão postiço.

Pois bem, por volta dos meus 18 aninhos, foram-me aparecendo os 4 dentes de siso, até aí tudo muito bem, o problema foi quando se viu que não havia espaço para tanto dente na minha boca e, durante +/- 2 anos, fiz um esforço enorme no maxilar, para poder mastigar e até falar, até que acabei por romper uma parte do maxilar que acabava por encravar, tanto aberto como fechado.

Ao fim desses 2 anos, e após uma consulta a um ortodontólogo, vimos que a solução seria tirar os 4 dentinhos intrusos. E assim foi, no prazo de 4, 5 meses arranquei os 4 dentes.

Os anos foram passando, a boca fechava, mas também encravava muitas vezes. Ou ficava aberta e tinha que fazer um esforço com a mão para o fechar, ou ficava fechada e tinha q esforçar o maxilar para a abrir.

Imaginem o filme, ultimamente, para conseguir bocejar (aquilo que uma pessoa faz quando o bocejo quer, e não quando nós queremos). Quando o bocejo se aproximava, primeiro tinha que forçar o maxilar a abrir e ficava uns segundos de boca aberta à espera do soluço que entretanto tinha sumido (podem-se rir lol). Para comer uma maçã a mesma situação...

Até que ultimamente, além do incómodo do "encravamento", comecei a ter dores, até que consultei um estomatologista e a solução apresentada foi a de usar uma Goteira de Oclusão (ou de relaxamento). Confesso que de início achava que aquele simples aparelhinho não me iria ajudar em nada, mas enganei-me.


(cá está a foto da minha goteira, desculpem a má qualidade)


Já a uso desde Fevereiro e desde essa data, a boca nunca mais encravou. Aconteceu uma ou outra vez doer devido a algum esforço, mas resultou!

O mal desde aparelhinho é ter que, em principio, usá-lo eternamente :(

Como devem imaginar, é um aparelho muito pouco romântico (o que vale é que só o utilizo à noite), mas acaba por ser engraçado quando vemos a nossa cara metade a partir-se a rir com as cenas que fazemos ao tentar falar com o dito-cujo na boca. Isto porque, tudo o que são ss's, passam a ser xx'x :D Agora já com alguns meses de treino, já consigo dizer melhor as palavras.

Mas não pensem que é fácil no início.... Nos primeiros meses a boca está-se a adaptar à nova posição de fechar, e os músculos que antes estavam a relaxar estão agora a exercer a sua função, e segundo a médica, vai levar algum tempo aos músculos voltarem a ser o que eram quando eu tinha os meus 18 aninhos. De manhã era o mais difícil, os dentes estavam muito sensíveis, e comer um pão ao pequeno-almoço eram uma tarefa muito dolorosa. Mas agora já consigo :)

Mas ainda estou numa fase de adaptação, quando dou por mim, estou a fazer uma pressão enorme nos dentes (a fechá-los com muita força), o que costumo fazer é colocar a lingua no meio para tentar deixar o músculo relaxar, mas nem sempre me lembro. E à noite também. A dita-cuja é feita de acrílico, e às vezes fico com a sensação que estou a trincar com tanta força, que vou partir o aparelho todo!

Quanto à manutenção da goteira, a médica aconselhou umas pastilhas da Corega, para colocar meia pastilha num copo de água, uma vez por semana e deixar lá durante 1 dia.

No dia-a-dia, de manhã, ao levantar tiro-a e lavo-a com um pouquinho de pasta dos dentes (e esfrego bem com uma escova de dentes), depois coloco na caixinha que a médica deu, até à noite.

E vocês, já tiveram algum problema deste género? Contem-me as vossas experiências.

Beijinhos

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Quantidade de Açucar em Alguns Alimentos






























































Recebi este email recentemente e achei muito interessante para partilhar aqui convosco.

Confesso que às vezes preferia não ter conhecimento destas coisas... mas, com o aproximar do Verão... temos sempre mais tendência a ter alguma noção do que consumimos.
Espero que tenham achado útil.
Beijinhos